Como calcular o dia de intervalo

Muitas vezes recebemos perguntas sobre a duração do dia de intervalo. Respondemos com base num exemplo.

Exemplo 1

Imaginemos, que fazes flexões do primeiro dia do ciclo na Segunda-feira. Os seguintes dias devem  ser organizados desta forma:

Terça-feira é o teu dia de intervalo. Na Terça-feira não fazes flexões o dia em que regressas às flexões, é a Quarta-feira.

Exemplo 2

Imaginemos que o ciclo termina na Sexta-feira. Os dois dias de intervalo significam, que irás voltar às flexões na Segunda-feira.

Recordamos que isto são apenas exemplos

Claro isto são apenas sugestões, que têm como objectivo propor as mais efectivas formas de treino para a maioria. Se parecer-te que deves fazer flexões todos os dias, lê a resposta à pergunta: Tenho que fazer realmente intervalos de um dia?

No entanto se sentires que um dia de intervalo não é bastante e os teus músculos continuam doridos e cansados, faz um intervalo maior. Uma boa recuperação irá trazer-te mais resultados do que uma sobrecarga.

ADVERTISEMENT